Que medo!


Por Patrícia Maldonado

Há semanas minha filha Nina acorda, no meio da noite, com medo sei lá do quê…já imaginei que fosse medo do escuro e providenciei um abajur (não resolveu). Já imaginei que fosse medo de ficar sozinha no quarto e fiquei junto até ela relaxar (e ela não relaxou). Já imaginei que fossem pesadelos e tentei conversar com ela pra distraí-la (e não adiantou nada).

Leia também:
Esporte é exemplo para as crianças
Pediatra: a escolha!

Enfim, decidi conversar com especialistas e descobri que é assim mesmo! Por volta dos dois anos de idade (a Nina tem um ano e nove meses) as crianças começam a sentir os primeiros medos e os pesadelos começam a aparecer.

E como é difícil entender o que está rolando…minha filha, por exemplo, acorda chorando muito, às vezes, meia hora sem parar!! Faço de tudo: pego no colo, deito na cama com ela, conto histórias, canto uma música… mas nada parece ajudar! O choro só para quando ela se cansa!

Pra ajudar a criança nessa tarefa, os especialistas dizem que o mais importante é não rir do medo do pequeno ou da pequena. O importante é dizer que você estará lá caso ela precise. Por exemplo, se a criança disser: “mamãe, tem um monstro no meu quarto”. A resposta mais comum – e errada –  é: “não tem nada no seu quarto”. A resposta certa: “a mamãe tirou o monstro do seu quarto, pode dormir em paz!”.

Um item que ajuda muito são os paninhos e brinquedinhos que ela tem desde bebê e que trazem segurança. Eles funcionam como “vigias”do pequeno, na cabeça deles.

Por fim, o mais importante: nada de levar a criança pra sua cama (claro que um dia ou outro tudo bem, mas todo dia não rola…). A criança que se acostuma a dormir com os pais dificilmente vai voltar pra cama dela. Isso significa que ela vai dormir bem, mas os pais vão ficar sem conforto, sem intimidade.

Enfim, cuidar de uma criança nessa fase exige sabedoria e firmeza. Nem sempre a teoria é tão fácil quanto a prática, mas temos que tentar, pelo bem de nossos filhos.

Um beijo,
Pati

Fonte: http://br.mulher.yahoo.com/blogs/mae-salto-alto/que-medo-172922498.html

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s