5 bizarras formas de vida difíceis de classificar


Nas aulas de biologia você deve ter aprendido que todos os seres vivos têm uma designação taxonômica – ou seja, são classificados e nomeados de acordo com grupos que reúnem formas de vida com características em comum.

Mas, como a natureza é complexa, também pode ser muito difícil para os pesquisadores categorizar certos seres vivos, principalmente formas de vida muito antigas. Algumas espécies são tão obscuras que é difícil dizer se elas pertencem ao reino animal ou vegetal.

Conheça cinco estranhas formas de vida difíceis de classificar e compreender:

Mamíferos pré-históricos

The bizarre life forms that cannot be categorized

Mamutes são animais pré-históricos famosos, e até aparecem em filmes de vez em quando. Os mastodontes são animais bem parecidos com eles, mas menos conhecidos – pelo menos entre aqueles que não conhecem a primeira geração de Power Rangers. Pesquisadores ainda não sabem muito sobre nenhum desses dois gigantes extintos do meio animal.

O que se sabe dos mastodontes é que eles tinham cerca de três metros de altura e pesavam até sete toneladas. Suas enormes presas de marfim chegavam a cinco metros de comprimento. O que diferencia esses animais dos mamutes é o formato dos dentes: os dos mastodontes tinham forma mais cônica e eram adaptados para a mastigação de folhas moles.

Os mamutes e mastodontes tinham parentes ainda mais misteriosos, como os animais do gênero Amebelodon. Pesquisadores acreditam que eles eram parecidos com os animais bizarros representados na imagem acima. A boca dessas criaturas se parecia com enormes pás. É difícil entender o porquê desse formato, já que não há nada semelhante a isso nos seres vivos atuais.

“Camarão” bizarro

O animal bizarro da foto acima (que lembra um camarão) faz parte dos anomalocaridídeos, uma família de animais marinhos extintos. Por muito tempo acreditou-se que eles viveram apenas no período cambriano (entre 542 milhões e 488 milhões de anos atrás).

Posteriormente, contudo, foi descoberto que eles também viveram no período devoniano – o que adicionou mais de 100 milhões de anos de existência para essas estranhas criaturas marinhas. A antiguidade de seres vivos extintos como esses dificulta muito seu estudo e compreensão.

Planta ou animal?

The bizarre life forms that cannot be categorized
Essa criatura com formato de tulipa foi encontrada no Folhelho Burgess, um sítio com grande número de fósseis no Canadá. Denominado Siphusauctum gregarium, este ser vivo é do período cambriano e atingia pelo menos 20 cm de comprimento. Ele provavelmente se alimentava por filtragem e tinha uma vida sedentária. Mesmo parecido com uma planta, os pesquisadores afirmam que é um animal – embora não se conheça nenhum outro parecido com ele.

Fóssil misterioso

The bizarre life forms that cannot be categorized

Gluteus minimus parece um molusco, mas talvez seja apenas um dente de peixe ou uma casca de algum animal. Acredite se quiser, os pesquisadores não fazem ideia do que seja isso. O nome vem exatamente da palavra que você está pensando: glúteos. Algum cientista engraçadinho achou que o fóssil tinha esse formato.

Abelhas marinhas

The bizarre life forms that cannot be categorized

Outras criaturas misteriosas são os graptólitos. Esses animais habitaram os mares do período paleozóico, cerca de 470 milhões de anos atrás. Eles pareciam insetos com antenas e construíam estruturas parecidas com grandes colmeias. Acredita-se que os graptólitos tivessem relação com os vermes modernos – embora eles não se pareçam nada com os que existem hoje em dia.

Fonte: http://hypescience.com/5-bizarras-formas-de-vida-dificeis-de-classificar/

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s