8 dicas para salvar pessoas de diversas situações de emergência


​8 Basic Life-Saving Skills Everyone Should Know

Acidentes acontecem o tempo todo, e ninguém garante que não acontecerão perto de você. Como você reagiria durante uma emergência?

Antes de qualquer coisa, é preciso pedir ajuda, ligando nos números de emergência. Então, enquanto você espera, veja o que pode fazer para ajudar a pessoa. Além disso, sua segurança é uma prioridade também. Como os assistentes de voo enfatizam antes da decolagem, quando a máscara de oxigênio cai, você tem que garantir a sua antes, caso contrário você não servirá de ajuda para ninguém.

Telefones de emergência

Pronto-Socorro – 192

Corpo de Bombeiros – 193

Defesa Civil – 199

Polícia Civil – 147

Polícia Militar – 190

Tendo isso em mente, não é preciso ser um profissional de saúde para, possivelmente, salvar a vida de alguém um dia. Saiba o que fazer em situações de vida ou morte:

Como executar reanimação cardiorrespiratória (RCP)

Quando você pensa em “habilidades que salvam vidas”, a primeira que provavelmente vem à mente é RCP, a técnica que pode fazer toda a diferença para alguém que entra em colapso sob parada cardíaca.

A melhor coisa é fazer uma aula sobre RCP, para compreender os procedimentos adequados e praticá-los com antecedência. Mesmo sem formação oficial, no entanto, você pode salvar uma vida se ninguém mais por perto tiver experiência em RCP.

Esse procedimento pode ser feito em qualquer pessoa (exceto recém-nascidos) cujo coração parou de bater. Com esta técnica, você pressiona suas mãos no peito da vítima, afundando-as cerca de 5 centímetros, a uma taxa de cerca de 100 vezes por minuto, até os paramédicos chegarem. Pule a parte da respiração boca-a-boca. Uma dica é cantar a música “Stayin’ Alive”, do Bee Gees, para ajudá-lo a manter o ritmo necessário.

O que fazer se alguém tiver um ataque cardíaco

Doença cardíaca é a causa de morte mais comum no mundo, por isso é importante conhecer os sinais de ataques cardíacos e o que você pode fazer para ajudar uma pessoa a passar por isso. Às vezes, os sintomas são, obviamente, parada cardíaca (o que exige RCP). No entanto, um ataque cardíaco pode não ser tão dramático, e parecer apenas azia.

Depois de chamar por ajuda, se a pessoa tiver mais de 16 anos e confirmar que não é alérgica a aspirina e não está tomando qualquer medicação que possa interagir com ela, ofereça um comprimido. Isso pode reduzir os danos ao coração.

Como ajudar alguém que está engasgando

Em caso de engasgamento, a técnica usada para ajudar alguém se chama manobra de Heimlich. Ela é executada quando a via aérea da pessoa está bloqueada por comida ou outro objeto. O vídeo acima é útil para memorizar o que você precisa saber. Posicione-se atrás da vítima, feche o punho e coloque-o com o polegar para dentro entre o umbigo e o osso externo da pessoa. Com a outra mão, segure o seu punho e puxe ambas as mãos em sua direção, com um rápido empurrão para dentro e pra cima a partir dos cotovelos. Nota: antes de fazer compressões abdominais, dê cinco golpes nas costas da pessoa com a palma da sua mão.

Vale lembrar que a manobra de Heimlich é somente para maiores de um ano. Existem diferentes técnicas para bebês, cujas pequenas traqueias têm propensão a engolir objetos aleatórios. Por exemplo, com a criança virada para baixo, você pode fazer cinco compressões leves com a palma da mão na região das costas, seguidas de cinco compressões na frente, até que o objeto seja expelido ou a criança torne-se responsiva. Se você conseguir visualizar o objeto, retire-o com cuidado, mas não tente ir às cegas com o dedo na boca da criança, pois isso pode provocar lesões.

Como salvar alguém que está se afogando

O afogamento é uma das causas mais comuns de morte acidental, especialmente entre crianças. Se você não é um nadador hábil, a coisa mais importante a saber é que nadar até a pessoa deve ser o último recurso. Os procedimentos a serem adotados devem ser, nessa ordem:

  • Tentar alcançar a pessoa: se a pessoa estiver perto da beira de uma piscina, deite no chão e tente chegar até ela. Use um galho de árvore, remo, toalha, qualquer coisa para alongar seu alcance. Se você tiver que entrar na água, continue segurando a borda da piscina durante a tentativa de chegar até a pessoa;
  • Jogue um objeto: jogue uma boia ou corda, se disponíveis;
  • Use um veículo: se estiver na praia e puder, obtenha um barco;
  • Nade até a pessoa: nade como último recurso. Leve uma boia ou qualquer outro objeto auxiliar que possa te ajudar a rebocar a vítima.

Como tratar hemorragias

Existem diferentes tipos de sangramento, de um arranhão até o tipo mais perigoso, hemorragia arterial. Em ambos os casos, o objetivo é parar o sangramento o mais rapidamente possível. De acordo com a Clínica Mayo, depois de lavar as mãos e colocar luvas (se disponíveis; um saco plástico limpo pode bastar), você deve:

  1. Deitar a pessoa e cobrir-lhe com um cobertor. Eleve o local da hemorragia;
  2. Retire toda a sujeira ou detritos da ferida, mas deixe objetos grandes ou profundamente enraizados no lugar;
  3. Aplique uma pressão contínua com um pano limpo ou curativo por pelo menos 20 minutos sem olhar para ver se o sangramento parou;
  4. Adicione mais gaze, se necessário;
  5. Se o sangramento não parar, aplique pressão às artérias. O ponto de pressão do braço é no seu interior, logo acima do cotovelo e logo abaixo da axila; os pontos de pressão da perna são atrás do joelho e na virilha. Aperte a principal artéria nessas áreas contra o osso. Mantenha seus dedos esticados, e, com a outra mão, continue a exercer pressão sobre o ferimento em si;
  6. Deixe os curativos no lugar e imobilize a parte do corpo atingida, uma vez que o sangramento parar.

Como tratar uma queimadura

Queimaduras graves devem ser tratadas por um profissional médico, mas o Dr. Matthew Hoffman oferece este conselho: “Imediatamente após uma queimadura, corra água da torneira fria sobre a pele por 10 minutos. Em seguida, resfrie a pele com uma compressa úmida. Não coloque gelo, manteiga ou qualquer outra coisa diretamente sobre a pele queimada. Limpe-a suavemente com sabonete neutro e água da torneira. Dê acetaminofeno (Tylenol) ou ibuprofeno (Motrin, Advil) para a dor. Queimaduras simples que envolvem apenas a própria superfície da pele não precisam de curativos”.

A BBC, no entanto, recomenda água corrente fria por pelo menos 20 minutos, pois isso pode ajudar por até três horas, e também aconselha que você remova as roupas e joias da vítima. Não adianta colocar iogurte, tomate, ovo cru, batatas, óleo, nada disso em uma queimadura. Manteiga pode ser útil se você tiver alcatrão quente em sua pele, mas para qualquer outro tipo de queimadura, é melhor guardar todos esses itens para suas refeições, apenas.

Como ajudar em um parto

O medo de toda mulher grávida e seu parceiro é ter que fazer o parto sem ajuda. Se você se encontrar em uma situação dessas com uma grávida desesperada, leve em conta essas dicas:

  • Tempo das contrações uterinas. Você saberá que é mais provável e real que ela realmente terá o bebê quando as contrações ocorrerem a cada três a cinco minutos e durarem 40 a 90 segundos, bem como se aumentarem em força e frequência por pelo menos uma hora.
  • Se o parto começar, o bebê inevitavelmente vai começar a sair. Apoie a sua cabeça e, em seguida, o corpo que se move para fora da mãe.
  • Seque o bebê e mantenha-o aquecido. Limpe qualquer líquido da sua boca com os dedos, se necessário.
  • Amarre o cordão umbilical vários centímetros longe do bebê com um pedaço de corda (por exemplo, um cadarço). Você não tem que cortar o cordão a menos que esteja a horas do hospital mais próximo. Se esse for o caso, amarre o cordão novamente alguns centímetros mais perto da mãe e corte-o entre os nós.

Se você não tiver absolutamente nenhuma alternativa e o bebê estiver começando a emergir primeiro pelos pés, as instruções são as mesmas.

Como carregar alguém mais pesado que você

Geralmente, é melhor deixar uma pessoa que está machucada no lugar em que se encontra até que a ajuda chegue. Você nunca deve mover uma pessoa que pode ter um ferimento na cabeça, pescoço ou medula espinhal. Em outros casos, no entanto, você pode precisar deslocar alguém para um local mais seguro.

Se você não for muito forte ou a pessoa for mais pesada do que você, confira dicas de como levantá-la sem se machucar no processo:

  1. Com a pessoa de frente para você, puxe o braço dela sobre seu ombro;
  2. Ajoelhe-se ou agache-se de modo que o “meio” da pessoa esteja contra o seu ombro;
  3. Impulsione-se com suas pernas e quadris. Não se incline para frente ou você vai machucar as costas;
  4. A pessoa deve agora estar pendurada sobre o seu ombro e você pode carregá-la.

É recomendável treinar o procedimento em pessoas pequenas ou crianças primeiro.

Esperamos que você nunca precise utilizar uma dessas dicas, mas pelo menos agora você sabe o que fazer, em qualquer um desses casos.

Fonte: http://hypescience.com/8-dicas-para-salvar-pessoas-de-diversas-situacoes-de-emergencia/

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s